Pais erram ao comparar crianças diferentes pelo mesmo padrão

Rosely Sayão – Juliana, mãe de uma garota de quatro anos, está aflita. Foi chamada pela escola e ouviu que sua filha é imatura, porque apresenta comportamentos diferentes dos colegas, e um acompanhamento foi indicado para a menina. Beatriz tem um filho de dois anos que ainda não fala, e os amigos, com filhos em idade semelhante, a deixaram preocupada, porque disseram que o menino deve ter algum problema. Confira aqui. 

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on facebook
Pular para o conteúdo